Quinta, 06 de Agosto de 2020 03:35
27 99905-5559
Saúde COVID-19

Após se dizer curado da Covid-19, Bolsonaro afirma ter 'fraqueza' e 'um pouco de infecção'

Presidente brincou que estaria com 'mofo no pulmão', após 20 dias de repouso em razão do coronavírus. Em transmissão, disse também estar tomando antibióticos.

30/07/2020 23h19
33
Por: Dilman Lima
Após se dizer curado da Covid-19, Bolsonaro afirma ter 'fraqueza' e 'um pouco de infecção'

O presidente Jair Bolsonaro declarou nesta quinta-feira (30), durante transmissão em rede social, que realizou exames de sangue após sentir "um pouco de fraqueza" na quarta (29). Segundo Bolsonaro, os testes acharam "um pouco de infecção" e, por isso, ele teria passado a tomar antibióticos.

O presidente não detalhou o quadro e chegou a fazer piada, dizendo que estaria com "mofo" no pulmão. Ao falar do tema, Bolsonaro não fez qualquer menção à Covid-19.

"Acabei de fazer um exame de sangue, né, tava com um pouco de fraqueza ontem. Acharam um pouco de infecção também. Tô agora no antibiótico, deve ser... Depois de 20 dias aí dentro de casa a gente pega outros problemas, né? Peguei mofo aí, mofo no pulmão, talvez, deve ser. E amanhã, barra pesada porque a temperatura em Bagé tá zero graus".

A agenda oficial divulgada pelo Palácio do Planalto prevê que Bolsonaro embarque de Brasília para Bagé (RS) às 8h desta sexta (31). Lá, o presidente deve visitar uma escola cívico-militar, um regimento de cavalaria e condomínios residenciais antes de voltar à capital federal, no fim da tarde.

Bolsonaro e Covid-19

 

Os "20 dias de repouso" citados por Bolsonaro na transmissão foram motivados pela Covid-19, diagnosticada em um exame no início do mês. No dia 7, o presidente disse ter recebido resultado positivo no teste de coronavírus.

Desde então, Bolsonaro passou três semanas despachando por videoconferência do Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência da República. Apesar da orientação de isolamento e repouso, válida para todos os pacientes da Covid-19 no mundo, Bolsonaro foi visto em caminhadas pelo gramado do Alvorada e chegou a conversar, sem máscara, com garis no local.

No último sábado (25), passados 18 dias do anúncio da infecção, Bolsonaro voltou às redes sociais para dizer que tinha recebido resultado negativo em um exame para o coronavírus. Com isso, na segunda (27), o presidente voltou a despachar no Palácio do Planalto e a comparecer, sem máscara, a compromissos.

Nesta quinta, por exemplo, o presidente da República tirou a máscara em meio a uma aglomeração de pessoas, durante evento oficial em aeroporto no Piauí.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.